segunda-feira, 22 de março de 2010

Sabedoria Política 2


"mesmo se não considerasse a ministra capaz, apoiaria (Dilma) por gratidão ao presidente Lula." - Geddel Vieira Lima, Valor Econômico, 01/03/2010. A declarção do pré-candidato ao governo da Bahia me lembrou um caso da minha terra.


- Um amigo próximo questiona o coronel do cacau e respeitado político: "O senhor perdeu a vergonha? Sempre dando carona a esse fulano que vive falando mal do senhor? Até em ano de eleição?"

O coronel respondeu sereno: " Há mais de ano que ajudo este rapaz. Tem fazenda perto da minha. Para deixá-lo na porta de sua casa, como sempre faço, tenho que passar pela cidade quase toda. Não lhe cobro nada e nunca falei mal dele. Agora, ele que tá sempre de carona comigo e ainda fala mal de mim. Você pensa que o povo vai achar quem sem vergonha?"


O coronel jamais havia lido Maquiavel. Lula talvez também não tenha lido. Ainda assim, ambos compreendem que adversários nem sempre precisam ser mantidos à distância. Quem cogitou ou cogita que Geddel possa apoiar Serra, mesmo que ambos disputem o segundo turno nos respectivos pleitos, deve ponderar o efeito que a ingratidão tem nos eleitores.

2 comentários:

  1. Rever os erros de digitação.

    ResponderExcluir
  2. Saiu um "jamias" ao invés de jamais. Já corrigido. Obrigado.

    ResponderExcluir